Plano Mais IDH recebe premiação nacional por excelência das ações

Foto: Divulgação

Trinta municípios priorizados com iniciativas pela melhoria das condições na educação, saúde, habitação, infraestrutura, assistência social, saneamento, produção e renda. O Plano Mais IDH, ação do Governo do Estado, criado para elevar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de municípios maranhenses, foi ganhador do Prêmio Excelência em Competitividade. Realizado pelo Centro de Liderança Pública (CLP), esta foi a 4ª edição do prêmio, que analisou mais de 150 políticas públicas em todo o Brasil.

“Esse prêmio reconhece o Mais IDH como um dos melhores projetos e melhores práticas da gestão pública brasileira. É uma grande estratégia de construção de políticas públicas e de enfrentamento à extrema pobreza e às desigualdades econômicas, sociais e territoriais”, destaca o secretário de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), Francisco Gonçalves. A iniciativa já investiu mais de R$ 1 bilhão em políticas públicas nas 30 cidades contempladas.

O resultado do prêmio foi divulgado dia 17 de setembro, no evento de lançamento do Ranking de Competitividade dos Estados. O ranking, organizado pelo CLP, reúne dados que auxiliam gestores públicos a diagnosticar problemas e definir prioridades. A ferramenta já é utilizada por 20 estados. Os programas Cheque Cesta Básica e Trabalho com Dignidade, executados, respectivamente, pelas secretarias de Estado da Saúde (SES) e da Administração Penitenciária (Seap) foram finalistas no prêmio. Concorreram também Alagoas, Paraíba e Rio Grande do Sul, cada um com uma iniciativa.

O Plano Mais IDH agrega mais de 40 projetos, considerando a integração de políticas públicas a partir do desenvolvimento local e construindo soluções de interesse para municípios e populações mais vulneráveis. Ele assegura benefícios diversos como o programa Escola Digna, Restaurante Popular, Mais Bolsa Família, Força Estadual de Saúde, ações de infraestrutura, entre outros. A iniciativa tem como foco o combate à extrema pobreza e está em vigor desde 2015.

Integram o Plano Mais IDH os municípios de Afonso Pena, Água Doce do Maranhão, Aldeias Altas, Amapá do Maranhão, Araioses, Arame, Belágua, Brejo de Areia, Cajari, Centro Novo do Maranhão, Conceição de Lago-Açu, Fernando Falcão, Governador Newton Bello, Itaipava do Grajaú, Jenipapo dos Vieiras, Lagoa Grande do Maranhão, Marajá do Sena, Milagres do Maranhão, Pedro do Rosário, Primeira Cruz, Santa Filomena do Maranhão, Santana do Maranhão, Santo Amaro do Maranhão, São Francisco do Maranhão, São João do Caru, São João do Sóter, São Raimundo do Doca Bezerra, São Roberto, Satubinha e Serrano do Maranhão.

O Centro de Liderança Pública é uma organização com sede em São Paulo, que busca engajar a sociedade e desenvolver líderes públicos para enfrentar os problemas mais urgentes do país. Em 12 anos de atuação, a entidade alcançou mais de mil cidades em 24 estados, com projetos e cursos, impactando mais de 3,5 milhões de pessoas. O trabalho conquistou mudanças importantes para o desenvolvimento do país, como o fim da cláusula de barreira no sistema eleitoral e a aprovação da reforma da Previdência.

Fonte: ma.gov.br

Deixe uma resposta